7 de outubro de 2014

Conrad & Roberts Ferragens e Talheres, 123 North Third Street, Filadélfia

William H. Rease, nascido na Pensilvânia por volta de 1818, foi o litógrafo de impressões de publicidade mais prolífico da Filadélfia durante a década de 1840 e 1850. Aqui mostramos seu anúncio para a loja Conrad & Roberts Ferragens e Talheres no quarteirão 200 da North Third Street. Ele mostra a fachada adornada com seus letreiros. O interior da loja pode ser visto através das duas entradas abertas. Um funcionário busca uma mercadoria de uma prateleira para um cliente e outro atende um cavalheiro em um balcão. Funcionários movem barris e caixas do porão aberto. Acima do porão, um letreiro “FERRAGENS” é exibido na frente da janela da loja. Nas janelas superiores funcionários trabalham e caixas, engradados e barris estão empilhados. Também são mostradas caixas e barris (marcados com texto ilegível) por toda a calçada e uma vista parcial dos prédios adjacentes, incluindo uma parte do letreiro da loja em 125 North Third Street. Conrad e Roberts começaram a operar neste endereço em 1845. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, ao norte da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.

S. Tobias, importador e distribuidor geral de vinhos, licores, cordiais e xaropes, número 68, North Third Street, ao norte Arco, Filadélfia

William H. Rease, nascido na Pensilvânia por volta de 1818, foi o litógrafo de impressões de publicidade mais prolífico da Filadélfia durante a década de 1840 e 1850. Seu anúncio aqui mostra a fachada da loja Tobias adornada com letreiros no quarteirão 100 da North Third Street. Um cliente entra por uma das duas entradas abertas nas quais um cesto de palha e um barril de vinho estão exibidos, em frente a um grande letreiro em forma de barril, onde se lê “S. Tobias No. 68 importador e distribuidor geral de vihos, licores, cordiais e xaropes”. Na outra entrada, um empregado rola um barril para fora da porta, perto de um empregado entrando no porão. As costas de um cliente e de um atendente são visíveis no fundo da loja, onde garrafas de bebidas, cestas de palha, tonéis de vinho e barris são exibidos em prateleiras, no chão, e na vitrine. Outras caixas, garrafas, tonéis e barris estão visíveis nas janelas do piso superior. Barris e caixas, uma marcada com “S. Tobias”, estão alinhadas na calçada, perto de um poste na frente da loja. A imagem inclui vistas parciais dos negócios adjacentes e dos letreiros decorando as vitrines de Charles M. Schott, produtos secos (no número 66) e Scattergood & Whitall, vidros farmacêuticos (no número 70). Tobias alugou o local a partir de 1845, e renomeou seu negócio como Soloman Tobias & Son em 1847. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, acima da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.

Wetherill, loja de branco de chumbo, mínio, vidros químicos, fármacos e tinturas. Antigo posto, 65 North Front Street, lado leste, três portas ao sul da Arch Street

William H. Rease, nascido na Pensilvânia por volta de 1818, foi o litógrafo de impressões de publicidade mais prolífico da Filadélfia durante a década de 1840 e 1850. Este anúncio mostra a frente de loja de Wetherill & Brother (John Price e Dr. William Wetherill) na Front Street, ao norte da Market Street. Os letreiros anunciam a “Loja de medicamentos, tintas & vidros”, proclamam os proprietários como “Farmacêuticos & coloristas”, e exibem o emblema da loja, uma águia americana com um escudo em cima de um barril, cercada por pacotes farmacêuticos e envolta pelo texto “Incentive sua própria indústria” e “Antigo posto 65”. Pilhas de barris cercam as duas entradas abertas, onde estão visíveis as costas de um funcionário carregando uma caixa grande e dois clientes do sexo masculino. Decantadores enchem as vitrines e caixas, barris e vidros estão empilhados perto das janelas do piso superior. Um funcionário desce para o porão em frente a um carroceiro na rua, que estabiliza seu veículo puxado a cavalo carregado com pacotes rotulados. John Price e William Wetherill eram os netos de Samuel Wetherill, o fundador da primeira fábrica de branco de chumbo na América. Eles assumiram a gestão do negócio em 1837, com William cuidando das compras e John Price sendo superintendente das filiais de fabricação. William assumiu a gestão exclusiva da empresa após a morte de John em 1853. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, acima da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.

Manufatura de Fogões de Charles Gilbert , 249 North Second Street, Filadélfia

William H. Rease, nascido na Pensilvânia por volta de 1818, foi o litógrafo de impressões de publicidade mais prolífico da Filadélfia durante a década de 1840 e 1850. Este anúncio mostra a fábrica de fogões Gilbert coberta por letreiros em alemão e inglês no quarteirão 400 da North Second Street. Os clientes entram na loja e um funcionário, ou talvez o proprietário, recebe um cliente em uma segunda entrada. Fogões cobrem as paredes e são exibidos nas entradas e nas vitrines. Os aparelhos de vários estilos, incluindo um fogão de cozinha com uma chaleira, também estão alinhados na calçada. Empregados trabalham nas janelas do piso superior. As entradas são acompanhadas por dois fogões, em cima dos quais se destacam as figuras de um homem e uma mulher. A imagem mostra uma vista parcial dos negócios adjacentes, incluindo P. McBride & Company, mercearia (251) e Salon [sic] Walton (247), operado por Salem Walton. Um letreiro ilustrado com um cavalo para o bar, ou taberna, está na frente do prédio. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, acima da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.

Lockwood and Smith, importadores e comerciantes de porcelana, vidro e louças, 7 South Fourth Street, Filadélfia

William H. Rease, nascido na Pensilvânia por volta de 1818, foi o litógrafo de impressões de publicidade mais prolífico da Filadélfia durante a década de 1840 e 1850. Aqui é exibido seu anúncio para o negócio Lockwood & Smith em 7 South Fourth Street, entre as ruas Market e Chestnut. Um funcionário recebe um cliente em uma das entradas abertas. Prateleiras de pratos, tigelas e jarros cobrem as paredes da loja. Nas vitrines mais porcelanas, vidros e louças (cerâmica de cor creme), incluindo terrinas e jarros, estão visíveis. Na calçada, os funcionários manuseiam um grande cesto que se encontra entre um barril grande e um segundo cesto grande. Os barris estão marcados com "China Withers & Stowers Cynthiana. KY. [Kentucky]” e “F. Cornog Phoenixville, Pa. [Pensilvânia].” Lockwood & Smith tiveram uma parceria neste endereço de 1845 a 1846. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, acima da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.

Moyer & Hazard, sucessores de Alexander Fullerton, 174 Market Street, quinta porta a oeste da Fifth Street, Filadélfia. Elijah Bowen, loja de chapéus e quepes no atacado e varejo, 176 Market Street, Filadélfia

Aqui é exibida sua propaganda para os negócios vizinhos de Charles Moyer e A. Fullerton Hazard (sucessores de Alexander Fullerton), farmacêuticos atacadistas, e de Elijah Bowen, chapeleiro por atacado e varejo. Ambos os edifícios estão cobertos por letreiros. O letreiro "Alexander Fullerton remédios & tintas" no número 174 indica a recente mudança de propriedade. Um homem está na porta esquerda do número 174 dirigindo um trabalhador que move mercadorias em um carrinho de mão. Outro homem surge do porão, enquanto um senhor de cartola entra na loja pela porta da direita. Decantadores e outros artigos de vidro cobrem as vitrines. Caixas e barris marcados como ruiva-dos-tintureiros, índigo, aguarrás, e assim por diante, estão alinhadas na calçada. Um homem move uma caixa na porta esquerda da loja de Elijah Bowen. Outro funcionário martela a tampa em uma caixa de madeira perto da rua. Cartolas estão alinhadas nas janelas do andar térreo e empilhadas nas janelas abertas dos andares superiores. Uma bandeira anunciando a loja de chapéus tremula na janela do sótão. Moyer, Hazard e Bowen operaram no número 174-76 Market Street de 1846 a 1854. Rease tornou-se ativo em seu negócio por volta de 1844, e durante dos anos 1850 ele trabalhou principalmente com os impressores Frederick Kuhl e Wagner & McGuigan na produção de impressões de publicidade conhecidas por seus retratos de detalhes humanos. Embora Rease tenha colaborado com outros litógrafos muitas vezes, em 1850 ele criou no Diretório de Empresas de O'Brien seu próprio estabelecimento na 17 South Fifth Street, acima da Chestnut Street. Em 1855, ele transferiu seu estabelecimento para a esquina nordeste das ruas Fourth e Chestnut (depois de uma parceria com Francis Schell que durou aproximadamente de 1853 a 1855), onde, além de impressões de publicidade, ele produziu certificados, imagens, mapas e gravuras marítimas.