12 de fevereiro de 2013

Saldobosh'. Cabana

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem é do povoado de Saldobosh (atualmente, Steblivka) na região de Khust do Oblast da Transcarpátia no centro sul. O telhado de palha da cabana tem acentuada inclinação para proteger das pesadas neves do inverno.

Iska. Povoado

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Aqui é mostrada uma cena pastoral dos campos cultivados e das montanhas ao redor do povoado de Iska (atualmente, Izky) no Distrito de Mizhhiria. O pináculo barroco acima da igreja de madeira em estilo Boyko do século XVIII de São Nicolau, o Taumaturgo, e sua torre de sinos estão visíveis à esquerda no primeiro plano.

Yasinya. Igrejas em madeira

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. No lado direito desta imagem está a Igreja da Ascensão de Nosso Senhor em Yasinya, construída em 1824 e típica do estilo Hutsul, ou Hucul. As igrejas Hutsul são construídas na forma de cruz, com as quatro extensões conectadas ao quadrado central dominante. A impressionante torre de sinos está no lado esquerdo. Yasinya (ou Jasina) é o maior povoado da região.

Yasinya. Igreja em madeira

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Aqui é mostrada a Igreja de São Pedro e São Paulo e sua torre de sino na área de Plytovate de Yasinya, do outro lado do Rio Tisza e da outra igreja Hutsul, ou Hucul, no povoado. Essa igreja foi originalmente construída em Yablunytsa, em 1780, e transferida para Yasinya cerca de 100 anos mais tarde. As igrejas Hutsul são construídas na forma de cruz, com as quatro extensões conectadas ao quadrado central dominante. Yasinya (ou Jasina) é o maior povoado da região.

Yasinya

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem mostra parte do povoado de Yasinya, que se estende dos bancos do Rio Tisza cercada por campos e montanhas. Yasinya (ou Jasina) é o maior povoado da região.

Mulheres hutsuls

Esta imagem faz parte de um álbum, provavelmente publicado por volta de 1920, que contém 20 fotografias de cenas em Rutênia dos Cárpatos, uma região montanhosa, em que grande parte pertencia à Áustria-Hungria antes da Primeira Guerra Mundial, mas que se tornou parte do novo estado da Tchecoslováquia em 1919. Atualmente, a maior parte dela forma o Oblast da Transcarpátia na Ucrânia ocidental, com partes menores na Eslováquia e Polônia. Esta imagem mostra um grupo de mulheres hutsuls com uma criança. Os hutsuls são um grupo étnico e cultural que falam um dialeto da Ucrânia, influenciado pelo polonês. Eles viveram na Rutênia dos Cárpatos por séculos. As mulheres usam uma blusa de linho longa, desenhada ao redor do pescoço com fios bordados, sobre a qual são usados dois aventais (zapasky), tramados em faixas estreitas de lã vermelha, com detalhes de fios de prata e ouro.