Um tesouro da medicina

Descrição

Thābit ibn Qurrah al-Ḥarrānī (falecido em 901) nasceu em Harran, atual Turquia, e faleceu em Bagdá. Membro da seita religiosa Sabian, ele foi um astrônomo, médico, matemático e fluente em siríaco, árabe e grego. Kitāb al-Dhakhīrah fī ʻilm al-ṭibb (Um tesouro da medicina) contém 31 capítulos, começando com o tema higiene e terminando com relações sexuais. Este manuscrito foi copiado provavelmente no século XVI e está encadernado com a obra Sharḥ Urjūzat Ibn Sīnā fī al-ṭibb de Muḥammad ibn Aḥmad ibn Rushd (1126–1198), conhecido também pela versão em latim de seu nome, Averróis. Não há uma página de rosto. A obra em si é composta em escrita naskh média. Algumas correções interlineares e de margem estão presentes e palavras de ordem aparecem na parte inferior das páginas. O papel em branco escuro é brilhante e a aba de couro do livro encontra-se em estampa cega.O manuscrito foi um presente de Harvey Cushing (1869–1939), um neurocirurgião formado em Yale, cuja coleção de livros médicos raros compõe uma parte essencial da Biblioteca Histórica Médica presente na Biblioteca Médica Harvey Cushing/John Hay Whitney, Universidade de Yale.

Idioma

Título no Idioma Original

كتاب الذخيرة

Tipo de Item

Descrição Física

15 x 25,5 centímetros

Observações

  • Biblioteca Médica Histórica: Cushing, Ms árabe 1.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 27 de abril de 2015