Walt Whitman, 1819-1892

Descrição

O poeta americano Walt Whitman usou este retrato de três quartos de si mesmo como o frontispício da primeira edição de sua principal obra, Folhas de Relva, publicada em 1855. Ela mostra Whitman, aos 37 anos, em roupas de trabalhador. Conhecida como "o carpinteiro", a imagem é um ícone do poeta americano como "um dos durões", ou homem comum. As edições posteriores de Folhas de Relva mostravam diferentes Whitmans, mais sofisticado e venerável. O Whitman idoso em 1891 voltou à imagem de um jovem urbano, tirada em Boston, quando ele estava trabalhando na edição de 1860 do livro. Esta obra é uma gravura em aço por Samuel Hollyer (1826-1919) a partir de um daguerreótipo perdido por Gabriel Harrison. Sobre o retrato, Whitman comentou: "A pior coisa do retrato é que pareço bombástico, como se tivesse fulminando uma pessoa com imprecações sem sentindo e gritando afrontosamente, vai para o inferno!" Outra preocupação de Whitman com o retrato era que "Muitas pessoas acham que a qualidade dominante na imagem de Harrison é a tristeza", mas ele, no entanto, gostou do retrato. Ela também apareceu na edição de 1856 de Folhas, na de 1876 e em outras posteriores.

Última Atualização: 24 de maio de 2017