Câmara. Filadélfia

Descrição

Esta imagem litográfica mostra a Câmara (Salão da Independência) na Chestnut Street, entre a 5th Street e a 6h Street, na Filadélfia. Concluída em 1753, de acordo com o projeto de Edmund Woolley e Andrew Hamilton, funcionou, primeiramente como o Poder legislativo colonial da Pensilvânia. O edifício é mais conhecido como o local em que a Declaração da Independência foi adotada, em 1776. A fachada neogrega mostrada aqui foi adicionada pelo arquiteto John Haviland em 1830. A gravura é de John Caspar Wilde (entre 1804 e 1846), um artista e litógrafo nascido na Suíça, que chegou à Filadélfia vindo de Paris em 1832. Ele produziu pinturas e impressões da Filadélfia e de outras cidades americanas, incluindo Cincinnati, Saint Louis e Davenport, Iowa. Seu trabalho é um importante registro histórico dessas cidades antes da era da industrialização em grande escala e do rápido crescimento urbano. A imagem apareceu originalmente em 1838 como Placa 11 em “Views of Philadelphia” (Vistas da Filadélfia), publicada por Wild & Chevalier, a breve parceria de Wild com J.B. Chevalier, um litógrafo de origem francesa. Mais tarde, em 1838, as pedras litográficas dessas imagens foram adquiridas por John T. Bowen (1801 a 1856, aproximadamente) e republicadas em 1838, e em 1848, coloridas manualmente.

Data de Criação

Informação da Publicação

J.T. Bowen, Filadélfia

Idioma

Título no Idioma Original

State House. Philadelphia

Tipo de Item

Descrição Física

1 gravura: litografia, colorida à mão; 14 x 18 centímetros

Observações

  • Número do catálogo digital: POS 720.4

Referências

  1. “Independence Hall,” http://www.ushistory.org/tour/independence-hall.htm.
  2. Philadelphia on Stone Biographical Dictionary of Lithographers, http://www.librarycompany.org/pos/posdictionary.htm.
  3. John Caspar Wild, Philadelphia on Stone Biographical Dictionary, Library Company of Philadelphia, http://www.lcpdigital.org.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 26 de fevereiro de 2014