Adoo Quamina, 1820

Descrição

Essa água-tinta pintada à mão em 1820 por William Hutton (1797–1860) retrata Adoo Quamina, capitão e cortesão do rei Ashanti. Ela é o frontispício do livro de Hutton Uma Viagem à África…no ano de 1820, publicado em Londres no ano seguinte. Antes disso, Hutton foi cônsul britânico interino de Ashanti, um poderoso estado da África Ocidental, na região da atual Gana, e oficial a serviço da Companhia de Mercadores Afro-Britânica. Ele descreve o guerreiro "em seu traje de guerra, com o corpo coberto de talismãs dentro de caixas de ouro e prata, e pequenos sinos de metal, conchas e facas. Seu quepe tinha chifres dourados de carneiro projetados à frente, penas de águia; e usava calças de algodão com grandes botas de couro vermelho. Esse traje custou ao rei onze escravos. A perda de um dos olhos nas últimas guerras com os Buntakoos deu a ele a aparência de um velho guerreiro. O cavalo em que montava era de boa estirpe, uma espécie de raça árabe". A impressão pertence à Coleção Militar Anne S.K. Brown da Biblioteca da Universidade de Brown.

Última Atualização: 18 de dezembro de 2013