Museu: hall de entrada, II, Argel, Argélia

Descrição

Esta impressão fotocrômica do Musée National des Antiquités Algériennes, em Argel, é parte das “Imagens de pessoas e lugares na Argélia”, do catálogo da Detroit Publishing Company (1905). O museu, que abriu as portas em 1897, foi descrito na edição de 1911 de O Mediterrâneo, portos e rotas marítimas: guia para viajantes, de Baedeker, como contendo “a melhor coleção deste tipo na Argélia”. A imagem mostra o hall de entrada do museu, que continha parte da coleção de colunas e esculturas antigas. O hall exibe os belos detalhes decorativos arquitetônicos do edifício. De acordo com Baedeker, no pátio havia paisagens do século XVII e posteriores da cidade de Argel e de outras partes da Argélia, junto de “imagens modernas de Argel e inscrições árabes, judaicas e turcas. No centro, há um mosaico romano proveniente de Sila, representando Cila e divindades marítimas.”

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Detroit Photographic Company, Detroit, Michigan

Título no Idioma Original

Museum: Entrance Hall, II, Algiers, Algeria

Tipo de Item

Descrição Física

1 impressão fotomecânica: fotocromo, colorido

Observações

  • A Companhia Fotográfica de Detroit foi lançada como uma editora de fotografia na década de 1890 pelo empresário e editor de Detroit William A. Livingstone, Jr., e pelo fotógrafo e editor de fotografia Edwin H. Husher. Eles obtiveram o direito exclusivo de usar o "Fotochromo", o processo suíço de conversão de fotografias em preto-e-branco em imagens coloridas, e imprimi-las por fotolitografia. Este processo inovador foi aplicado na produção em massa de cartões postais coloridos, gravuras e álbuns para venda ao mercado americano. A empresa tornou-se a Detroit Publishing Company em 1905.
  • Impressão n° "6253".

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 13 de agosto de 2014