O Acordo de Ankole, 1962

Descrição

O Acordo de Ankole de 1901 consolidou Nkore e outros estados como Reino de Ankole, sob os auspícios do Protetorado Britânico de Uganda. O acordo foi alterado por outros acordos entre o governador de Uganda e o omugabe (rei) de Ankole até este acordo de 1962. O Acordo de Ankole, 1962 foi assinado em 30 de agosto de 1962: “entre Sir Walter Fleming Coutts, Cavaleiro Comandante da Ordem Mais Distinta de São Miguel e São Jorge, membro da Mais Excelente Ordem do Império Britânico e Governador e Comandante-chefe do Protetorado de Uganda em nome de Sua Majestade a Rainha Elizabeth II, pela graça de Deus do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte e de seus outros Reinos e Territórios, Chefe da Comunidade das Nações e Defensora da Fé, por um lado; e Rubambansi Nyakusinga Sir Charles Godfrey Gasyonga II, Omugabe do Reino de Ankole por e com o conselho e consentimento do Eishengyero para si e seus sucessores no cargo e em nome do Eishengyero e do povo do Reino de Ankole do Protetorado de Uganda. Uganda se tornou independente em outubro de 1962. O reino de Ankole foi abolido em 1967.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Protetorado de Uganda, Entebbe, Uganda

Título no Idioma Original

The Ankole Agreement, 1962 / Endagaano y'Ankole Eya, 1962

Tipo de Item

Descrição Física

31 páginas não numeradas, 34 páginas ; 33 centímetros

Observações

  • Do Arquivo Nacional de Uganda, Entebbe. Digitalizado na Biblioteca Nacional de Uganda com o apoio da Corporação Carnegie de Nova Iorque.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 7 de março de 2014