O divã ou a discussão do homem sábio com o mundo ou o julgamento entre a alma e o corpo

Descrição

Dimitrie Cantemir (1673–1723), príncipe da Moldávia, foi um filósofo, historiador, compositor e intelectual. Seu pai era um mercenário de origem camponesa que chegou a tornar-se voivoda (príncipe) de Bogdan, o nome turco da Moldávia. Quando criança, Cantemir estudou grego, latim, língua eslava e outras matérias. Aos 14 anos, ele substituiu seu irmão como refém dos otomanos em Constantinopla (atual Istambul), servindo como uma garantia de lealdade de seu pai para com a Sublime Porta. Lá, ele deu continuidade à sua educação, estudando turco, árabe, persa, tártaro, francês e italiano, bem como filosofia, geografia, história e música. Após a morte de seu pai, em março de 1693, Cantemir foi proclamado voivoda da Moldávia, mas a Sublime Porta se recusou a validá-lo no trono e ele retomou sua vida de estudos em Constantinopla. Em novembro de 1710, Cantemir finalmente subiu ao trono da Moldávia, onde instituiu políticas de reforma e progresso social. Ele formou uma aliança com o czar Pedro I (Pedro, o Grande) e se juntou à Rússia, em uma campanha contra os otomanos que visava garantir a autonomia da Moldávia e a proteção da Rússia contra os turcos. A derrota do exército russo-moldavo em julho de 1711, em Stănileşti, forçou Cantemir a fugir e a se refugiar na Rússia, onde permaneceu pelo resto de sua vida. Cantemir escreveu livros sobre história, geografia, filosofia e linguística, principalmente em latim. Ele completou o Divanul sau Gâlceava înţeleptului cu lumea sau Giudeţul sufletului cu trupul (O divã ou a discussão do homem sábio com o mundo ou o julgamento entre a alma e o corpo), uma obra de lógica e filosofia composta em romeno, no final de 1697. O livro foi impresso no ano seguinte, com a tradução paralela em grego escrita por Eremiah Cacavela, no Mosteiro dos Três Hierarcas em Iaşi (também chamado de Jassi). O livro é uma das duas únicas obras de Cantemir publicadas durante sua vida e é a primeira impressão romena de qualquer autor. O livro foi impresso usando o alfabeto grego.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Mosteiro dos Três Hierarcas, Iaşi

Título no Idioma Original

Divanul sau Gâlceava înţeleptului cu lumea sau Giudeţul sufletului cu trupul

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

9 páginas não numeradas, 138 [-144] páginas: ilustrado; fólio (30 x 21 centímetros); 37 linhas por página (23 x 14 centímetros)

Observações

  • Cópia 001: número de inventário 491, a página 5 está faltando; encadernação em couro com ornamentações douradas; notas manuscritas no verso da página 144. Texto paralelo em duas colunas, romeno-grego. Xilogravuras: brasão de armas da Moldávia; a alma e o corpo, em seguida a um desenho de Cantemir, no verso da página 9.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 22 de setembro de 2015