Abecedário para escolas primárias do vilaiete bósnio

Descrição

A primeira tipografia da Bósnia-Herzegóvina foi fundada em 1519 por Božidar Goraždanin, na cidade de Gorazde, na Bósnia Oriental Dois anos depois, em 1521, o estabelecimento foi fechado e transferido para a Romênia. Posteriormente, um pequeno número de livros escritos na Bósnia-Herzegóvina foi enviado para ser impresso fora do país, em Veneza, Viena, Roma e em outros lugares, mas os livros não eram produzidos no país. Na segunda metade do século XIX, houve um ressurgimento do interesse na impressão e publicação na Bósnia-Herzegóvina. A primeira tipografia começou a funcionar em 1866, em Sarajevo, e foi chamada de Sopronova pečatnja (Editora de Sopron), em homenagem a seu fundador, Sopron Ignjat (1825-1894), um jornalista e editor de Novi Sad. Mais tarde ela se tornou a Vilajetska štamparija (Tipografia da Província) Os livros eram impressos no alfabeto latino, cirílico, hebraico e árabe. Após a ocupação da Bósnia-Herzegóvina pela Áustria-Hungria em 1878, a Vilajetska štamparija continuou a produzir livros, mas mudou seu nome para Zemaljska štamparija (Tipografia Nacional). A Biblioteca Nacional e Universitária da Bósnia-Herzegóvina preserva uma valiosa coleção dos primeiros livros escolares impressos na Vilajetska štamparija. Na imagem vê-se um dos itens desta coleção, o Bukvar: za osnovne škole u vilajetu bosanskom (Livro do alfabeto para escolas primárias da Província da Bósnia), publicado em 1867.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Tipografia do Vilaiete, Sarajevo

Idioma

Título no Idioma Original

Буквар: за основне школе у вилаjету босанском

Tipo de Item

Descrição Física

30 páginas; 16 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 28 de outubro de 2014