Qasr Al-Hosn, o forte do governante em Abu Dhabi

Descrição

Esta fotografia de 1965 mostra Qasr Al-Hosn, fortaleza e tradicional residência dos xeiques de Abu Dhabi. Originalmente construída como uma torre de vigia por volta de 1761 pelo xeique Dhiyab bin Isa, foi ampliada a um pequeno forte, por volta de 1793, por seu filho, o xeique Shakhbut bin Dhiyab e, naquela época, tornou-se a residência permanente do governante de Abu Dhabi. Ela foi ampliada ainda mais no final da década de 1930, em consequência da injeção de capital proveniente das concessões petrolíferas e manteve-se como o palácio principal de Abu Dhabi até 1966. Vista na brisa do deserto está a bandeira de Abu Dhabi, que combina o tradicional vermelho dos emirados muçulmanos com o branco, que a Grã-Bretanha, em virtude do Tratado Marítimo Geral de 1820, solicitou aos Estados da Trégua (como os emirados eram conhecidos) para adicionar às suas bandeiras como sinal de suas intenções pacíficas. A fotografia é da Coleção Coronel Edward "Tug" Bearby Wilson da Biblioteca Nacional, Autoridade de Abu Dhabi para a Cultura e Patrimônio, e foi tirada por Wilson. O coronel "Tug" Wilson (1921–2009) foi um oficial do exército britânico que, na década de 1960, foi destacado para o governo de Abu Dhabi para ajudar a construir a força de defesa nacional. Ele era amigo pessoal do governante de Abu Dhabi, o xeique Zayed bin Sultan Al Nahyan (1918-2004), com quem compartilhava interesses em falcoaria e passeios a cavalo.

Última Atualização: 23 de novembro de 2011