Ofício diário

Descrição

Este manuscrito litúrgico é o ofício diário (Šḥimto) dos Maronitas, parte em siríaco, mas com algumas orações em Garshuni (árabe em letras siríacas). Cada página apresenta o texto dentro de uma margem em tinta vermelha. No final do manuscrito, vê-se que a tinta escorreu em vários lugares e partes de alguns fólios estão faltando (por exemplo, fólio 144 verso). A Igreja Maronita é uma Igreja Católica Oriental em comunhão com a Santa Sé em Roma. Centrada no Líbano, a igreja adquiriu este nome de São Maron (facelido em 410), um monge sírio cujos seguidores construiram um monastério em sua homenagem e, que se tornou o núcleo da Igreja Maronita.

Última Atualização: 3 de outubro de 2014