O livro da sabedoria

Descrição

Khoja Ahmed Yasawi (falecido em 1166) foi um filósofo e místico sufi e o primeiro poeta conhecido a escrever em um dialeto túrquico. Ele nasceu na cidade de Isfijab (atual Sayram, no Cazaquistão), mas viveu a maior parte de sua vida no Turquestão (também no sul do Cazaquistão). Ele foi um estudante de Arslan Baba, um famoso pregador do Islã. Em uma época em que o persa dominava a literatura e a vida pública, Yasawi escrevia em sua antiga língua túrquica nativa (chagatai). Dīvān-i ikmet (O livro da sabedoria) de Yassavi não é apenas uma relíquia religiosa de literatura sufi, mas também é uma das mais antigas obras escritas na língua túrquica. Yassavi começa com muitos elementos das canções xamânicas dos turcos nômades, então dota seus poemas, como toda a poesia sufi, com muitas camadas de significados a partir do simples para o esotérico e infundindo-lhes o espírito do Islã. Especialistas têm sugerido que o Divan tem ligações com a tradição literária qarakhanida de influência chinesa e com a literatura dos kipchaks da estepe da Eurásia. O Dīvān-i ikmet foi transmitido por muito tempo de boca em boca. A edição impressa mostrada aqui foi publicada em 1904 pela Editora Litográfica da Universidade Imperial de Kazan. A universidade de Kazan foi fundada pelo czar Alexandre I em 1804 e se tornou o centro principal de estudos orientais no Império Russo.

Data de Criação

Informação da Publicação

Editora da Universidade Imperial de Kazan, Kazan

Idioma

Título no Idioma Original

ديوان حكمت

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

366 páginas

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 12 de dezembro de 2013