Eulogia a um governante

Descrição

Este fragmento caligráfico inclui um na’t (eulogia) persa a um rei, descrevendo-o como a sayah (sombra) de Deus na terra. Os versos dizem: “Oh, Deus, Tu tens olhado (para baixo) com misericórdia / Pois estendestes essa sombra para as pessoas / Como um escravo eu procuro tua bondade / Oh, Deus, Tu és sombra eterna”. Os versos estão em escrita nasta‘liq preta emoldurados por faixas de nuvens numa folha de papel bege com um fundo dourado. No canto superior direito há uma invocação a huwa al-hadi (Deus como o guia), numa caligrafia conhecida como khatt al-taj (literalmente, escrita de coroa), em que as letras se entrelaçam para formar pequenas coroas decorativas. Khatt al-taj é uma invenção caligráfica bem recente, geralmente aparecendo em amostras produzidas durante os séculos XIX e XX. No canto inferior esquerdo do painel de texto, o calígrafo assinou sua obra com a seguinte inscrição: fidavi dargah Muhammad Husayn tab' namud (o dedicado escravo à [sua] presença [ou corte], Muhammad Husayn o assinou [fez]). Apesar de não haver registros, Muhammad Husayn pode ter sido um calígrafo ativo no Irã ou na Índia na virada do século XX.

Última Atualização: 30 de setembro de 2016