Gazels de Sa'di

Descrição

Este fragmento caligráfico inclui vários gazels (versos líricos) compostos por Shaykh Sa'di (falecido em 691 a.H./1292). Muitos desses versos expressam a dor da separação de um amigo e exortam à fidelidade aos companheiros. O nome de Sa'di aparece em um dos versos, na parte inferior da coluna à direita. O texto foi escrito em caligrafia shikastah preta e está envolvido por motivos de mosaicos de nuvens em um plano de fundo coberto com folhas douradas. A divisão central, separando o texto principal em duas colunas, está decorada com motivos azuis de flores e vinhas entrelaçadas. O painel de texto conta com vários quadros decorativos e está colado em um papel azul ornamentado com vinhas florais entrelaçadas pintadas em dourado. Na parte central inferior do painel de texto (isto é, na parte inferior da divisória central), aparece a assinatura do calígrafo. Ela diz: mashaqahu al-'abd 'Abd al-Majid (escrito pelo servo 'Abd al-Majid). Uma nota no verso do fragmento, que não aparece nesta imagem, também diz: “Abd al-Majid, inventor do shikastah, século XVIII” Este é, certamente, o dervixe 'Abd al-Majid al-Taliqani (falecido em 1185 a.H./1771 a 1772), que viveu em Isfahan, capital da Pérsia durante o século XVIII. Ele foi um mestre-calígrafo do estilo nasta'liq a quem se atribui a invenção do estilo shikastah, uma caligrafia muito fluida e literalmente “quebrada”, derivada do nasta'liq. Ele também foi um poeta e assinou seus poemas com o nome Khamush (o Extinto).

Última Atualização: 6 de abril de 2016