Luta entre o sacrifício e aquele que sacrifica

Descrição

O Códice Tovar, atribuído ao jesuíta mexicano Juan de Tovar do século XVI, contém informações detalhadas sobre os ritos e cerimônias dos astecas (também conhecidos como mexicas). O códice é ilustrado com 51 pinturas de página inteira em aquarela. Fortemente influenciado por manuscritos pictográficos do período pré-contato, as pinturas são de qualidade artística excepcional. O manuscrito está dividido em três seções. A primeira seção é uma história das viagens dos astecas antes da chegada dos espanhóis. A segunda seção, uma história ilustrada dos astecas, compõe o corpo principal do manuscrito. A terceira seção contém o calendário Tovar. Esta ilustração da segunda seção retrata uma cena de sacrifício. A vítima, com penas brancas no cabelo e um escudo com os sinais das cinco direções de espaço, luta contra um guerreiro vestido em pele de jaguar segurando uma maça e um escudo de guerra e vestindo um cocar de penas. Este rito de sacrifício foi celebrado no festival de Tlacaxipehualiztli em honra a Xipe Tótec, "nosso senhor depelado", o deus da agricultura, da morte, do renascimento e das estações do ano. Em seu festival na primavera, os homens eram sacrificados ao serem amarrados à temalacatl (uma pedra do altar). Depois de derrotada, a vítima era esfolada e comida. A descrição deste festival é fornecida em outro manuscrito importante, o Códice Durán.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

México

Idioma

Título no Idioma Original

Modo de pelear entre el que avia de sacrificar, y ser sacrificado

Tipo de Item

Descrição Física

Aquarela sobre papel; 21 x 15,2 centímetros

Observações

  • Ilustração no reto da folha 134

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 26 de outubro de 2012