Contos dos profetas

Descrição

Qiṣaṣ al-anbiyā’ (Contos dos profetas) é o título de várias coleções de contos originários do Alcorão e elaborados por diferentes autores. Aqui é mostrado um dos mais conhecidos, atribuído a Muhammad ibn Abdullah al-Kisa'i, que se acredita ter vivido no século XI d.C. As vidas dos profetas não foram abordadas em detalhes no Alcorão, então al-Kisa'i e outros escritores acrescentaram histórias mais elaboradas. O Qiṣaṣ começa com a criação do mundo por Deus e as descrições dos anjos, o cosmos, o céu e a terra. O drama, então, prossegue com sua obra-prima, Adão, com a vida e o sopro dados pelo seu criador. As histórias de figuras da Bíblia (considerados profetas no Islã) seguem a ordem cronológica de Idris e Noé até Abraão, Ismael e Hagar. Muitas outras vidas e ações sagradas são discutidas, incluindo algumas que podem ser desconhecidas dos não muçulmanos, como Shueib e Khidr e outras que são tidas como sagradas em outras religiões, culminando na progressão bíblica com as vidas de João Batista e Jesus. Al-Kisa'i também fornece muitas informações sobre o Islã em geral e sobre o profeta Maomé em particular. Esta edição do Qiṣaṣ al-anbiyā’, nas línguas chagatai e tártaro da Ásia Central, foi publicada em Kazan, na Rússia, em 1872. A universidade de Kazan foi fundada pelo czar Alexandre I em 1804 e se tornou o centro principal de estudos orientais no Império Russo. Kazan foi um centro de publicações para a população muçulmana do império.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Editora da Universidade Imperial de Kazan, Kazan

Título no Idioma Original

قصص الأنبياء

Lugar

Tipo de Item

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 7 de abril de 2015