Vista de Arequipa e da Montaha El Misti, Peru

Descrição

Esta fotografia de uma cena no Peru é parte da Coleção de Frank e Frances Carpenter na Biblioteca do Congresso. Frank G. Carpenter (1855-1924) foi um escritor americano de livros sobre viagens e geografia mundial cujas obras ajudaram a popularizar a antropologia cultural e a geografia dos Estados Unidos nos primeiros anos do século XX. Composta de fotografias tiradas e reunidas por Carpenter e sua filha Frances (1890-1972) para ilustrar seus escritos, a coleção inclui um número estimado em 16.800 fotografias e 7.000 negativos em vidro e filme. Em Terras dos Andes e do deserto (1924), parte de sua série Viagens pelo Mundo de Carpenter, o autor escreveu: “Arequipa foi construída em um oásis criado pelo rio Chile em uma região árida dos Andes, nesse deserto da costa do Pacífico. Ela é cercada por montanhas secas, mas fica localizada em um vale permanentemente coberto de verde. Uma lenda sobre suas origens fala sobre a vinda de um grupo de índios quíchuas para este belo oásis, sob o comando de um líder Inca, após uma longa travessia pelas encostas desprotegidas e empoeiradas do deserto em sua volta. Ao pedirem ao Inca para que fossem autorizados a permanecer naquele local fértil e pacífico, ele respondeu: ‘Ari, quepai,’ que na língua quíchua significa ‘Sim, fiquem’.” Max T. Vargas (1874-1959), que tirou esta fotografia, era um dos dois irmãos fotógrafos com um estúdio em Arequipa, no Peru.

Última Atualização: 29 de setembro de 2014