Registros factuais sobre Huaiyin

Descrição

Huaiyin, também conhecida como Huai’an, era uma cidade na província de Jiangsu, situada em uma seção antiga do Grande Canal e do rio Huai, principais hidrovias para transporte de grãos. O Huai era ligado ao rios Amarelo e Yangtze e, assim como eles, corria originalmente do oeste para o leste, seguindo diretamente para o mar. No século XII, os exércitos Jin e Song, usando inundações como uma arma de guerra, mudaram o curso o rio Amarelo para que ele corresse para o sul, até o Huai. Aos poucos, os sedimentos do rio Amarelo criaram grandes bloqueios nas partes intermediárias e inferiores do rio Huai, tornando o um afluente do rio Yangtze, vulnerável a inundações. Quando Zhang Zhaoyuan, autor deste trabalho, era o prefeito de Huai’an, ele enfrentou um desastre iminente devido a um grave bloqueio do canal. Zhang tomou medidas para evitar o desastre, dentre as quais está a ordem para a construção de uma saída, permitindo que os barcos entrassem no canal, e foi promovido por suas ações. O Huaiyin shi ji (Registros factuais sobre Huaiyin), publicado durante o reinado de Wanli (1573–1620), contém seus memoriais e documentos oficiais. Os cinco mais importantes são: "Aproveitamento do rio Amarelo e construção de saídas para o rio Huai", "Compreendendo os dois rios", "História do transporte", "Detalhes sobre o trabalho de reabilitação do rio" e "Detalhes sobre a preparação contra os piratas". O trabalho tem dois juan, um deles complementar, em um volume. Ele tem impressões de selos de dois famosos colecionadores de livros: Chen Ruolin (1759–1832) e Zhang Shouyu.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

China

Idioma

Título no Idioma Original

淮陰實紀

Tipo de Item

Descrição Física

2 juan em 1 volume

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017