Coleção Jing Xin de poemas de Chen Zi

Descrição

Esta coleção de manuscritos contém poemas de Chen Zi (1683-1759), um nativo de Yuyao, província de Zhejiang e famoso poeta e calígrafo durante os períodos de Kangxi e Qianlong da dinastia Qing. Embora duas vezes recomendado para posições oficiais, Chen se recusou a servir à corte de Qing. Os poemas da obra foram copiados e preservados por seus amigos durante a inquisição literária Qing. A inquisição literária na China teve uma longa história, mas durante a dinastia Qing essa perseguição oficial a intelectuais, comumente chamada de wen zi yu (condenação por escritos literários), foi particularmente desenfreada. Para impedir a oposição de intelectuais e silenciá-los, as autoridades interpretavam o significado das obras de um indivíduo de acordo com as suas próprias regras e procuravam qualquer palavra ou frase que servissem como prova necessária à perseguição. Ambos os prefácios de Chen e uma introdução de Zheng Yiting estão imbuídos de tristeza pela mudança de dinastia, luto pela inquisição literária e lamento por terem nascido em uma época inoportuna. O trabalho tem seis juan, os cinco primeiros contendo 30 poemas e o sexto, intitulado Jiu jiu yue fu (Poemas escritos no estilo yue fu), contêm referências a eventos históricos na dinastia Ming. Os poemas estão organizados cronologicamente datando do ano 52 de Kangxi (1713) ao 12º ano do reinado de Qianlong (1747).

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

井心集詩鈔

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

6 juan, 6 volumes

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017