Perfil mostrando as avaliações das diferentes rotas pesquisadas para a Union Pacific Rail Road (Ferrovia da Union Pacific) entre o Rio Missouri e o vale do Rio Platte

Descrição

O presidente Abraham Lincoln transformou o Ato da Ferrovia do Pacífico em lei no dia 1 de julho de 1862. O ato deu a duas empresas, a Union Pacific Railroad e a Central Pacific Railroad, a responsabilidade de completar a ferrovia transcontinental. A Union Pacific deveria instalar os trilhos no sentido oeste, partindo de um ponto próximo a Omaha, Nebraska, até Ogden, Utah; a Central Pacific deveria construir no sentido leste, partindo de Sacramento, Califórnia. De acordo com a legislação de autorização, a ferrovia não deveria ter níveis ou curvas que excedessem os limites máximos da Ferrovia Baltimore & Ohio, a primeira ferrovia dos EUA a atravessar os Apalaches. O perfil mostra a diligente atenção prestada pelos engenheiros à inclinação dos níveis em rotas alternativas levadas em consideração para a linha. A escala horizontal mostrada é de uma milha para cada polegada (1,61 quilômetros para 2,54 centímetros) e a escala vertical é de 60 pés para uma polegada (18,28 metros para 2,54 centímetros). O perfil acompanhava um mapa topográfico mostrando cinco diferentes rotas entre o Rio Missouri e o Vale do Platte, no Nebraska, que era parte de um relatório enviado ao Secretário do Interior James Harlan pelo Tenente-Coronel J. H. Simpson do Corpo de Engenheiros do Exército.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Washington D.C.

Idioma

Título no Idioma Original

Profile Showing the Grades upon the Different Routes Surveyed for the Union Pacific Rail Road Between the Missouri River and the Valley of the Platte River

Tipo de Item

Observações

  • Escala 1:126.720

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 16 de julho de 2013