Tributo da América à Grã-Bretanha

Descrição

Este cartaz, mostrando uma águia de cabeça branca colocando uma guirlanda da vitória sobre a cabeça de um leão, é de 1917, ano em que os Estados Unidos entraram na Primeira Guerra Mundial, no lado da Grã-Bretanha. O leão é um tradicional símbolo da Inglaterra, o maior dos países que constituem o Reino Unido (os outros são Escócia, País de Gales e, naquele tempo, a Irlanda). O símbolo remonta ao século XII, quando o Rei Ricardo I (1157 a 1199), conhecido como Ricardo, Coração de Leão, escolheu três leões como seu símbolo na batalha. O brasão real do Reino Unido mostra um leão dourado e um unicórnio prateado (símbolo da Escócia) apoiando o escudo real. Em 1782, o Congresso dos Estados Unidos escolheu a águia de cabeça branca como símbolo da nação. O pássaro aparece no selo presidencial dos Estados Unidos e em várias moedas americanas. Este cartaz é de Frederic G. Cooper (nascido em 1883), conhecido designer gráfico, artista criador de cartazes e ilustrador dos Estados Unidos. Cooper nasceu em Oregon e estudou no Instituto de Artes de Mark Hopkins, em São Francisco. Ele se mudou para a cidade de Nova York em 1904, onde trabalhou como artista autônomo criando projetos para empresas como New York Edison, Westinghouse, entre tantas outras. Durante a Primeira Guerra Mundial, ele criou cartazes para o Departamento de Guerra e para a Administração de Alimentos dos Estados Unidos.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Editora Marchbanks, Nova York

Idioma

Título no Idioma Original

America's Tribute to Britain

Tipo de Item

Descrição Física

1 exemplar (cartaz): xilogravura, cor; 76 x 51 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 25 de outubro de 2013