Metamorfoses

Descrição

Este documento, conhecido como Ovídio Napolitano, pode certamente remontar à região de Puglia (Apúlia), no sul da Itália, onde provavelmente foi copiado no Mosteiro de San Benedetto di Bari. A obra é um testemunho da tradição manuscrita mais antiga relativa à Metamorfoses, um poema narrativo em latim do poeta romano do primeiro século, Ovídio, que foi popular na Europa na Idade Média. O códice inclui ilustrações em cores brilhantes que refletem os vários estilos que se mesclavam no sul da Itália no século XI sob a influência dos normandos, substituindo gradualmente as tradições árabes e longobardas mais antigas. São evidentes, também, as influências de Bizâncio e do Levante. O manuscrito é escrito em uma variante bari da escrita beneventana, a escrita nacional do sul da Itália entre 800 e 1200. Agora sob a custódia da Biblioteca Nacional de Nápoles, o códice pertenceu ao convento napolitano de San Giovanni a Carbonara.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Metamorphoses

Lugar

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

Manuscrito em pergaminho; encadernação em pergaminho; I, 201, II, ilustrado; 295 X 166 milímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 28 de agosto de 2015