Poemas do Imperador Kangxi sobre os Trinta e Seis Pontos Cênicos de Bi Shan Zhuang, Estância Imperial de Verão

Descrição

Bi shu shan zhuang é o maior jardim de palácio imperial da China. Situado em Rehe (atualmente Chengde, na província de Hebei) no vale de um rio rodeado por montanhas ao oeste, norte e leste, a vila é composta pelos salões palacianos, lagos, planícies e montanhas. A construção do complexo perdurou por muitos anos, tendo começado em 1703 sob o reinado do Imperador Kangxi (1654-1722). Por ocasião da conclusão do complexo do palácio principal, em 1711, Kangxi conferiu o título de Bi shu shan zhuang (Vila de Verão da Montanha) à vila, e selecionou 36 pontos turísticos e compôs um poema para cada local. Este trabalho contém os poemas do imperador, com ilustrações requintadas executadas pelo pintor da corte, Shen Yu. O trabalho foi publicado no ano 51 (1712) do reinado de Kangxi, com anotações de Kuixi, Li Tingyi, e outros, por determinação do imperador. Inclui também um prefácio pelo imperador. Kangxi, bem como os subsequentes imperadores Qing, passaram a maior parte do ano em Bi shu shan zhuang. Kangxi, que subiu ao trono em 1662, aos sete anos de idade, e reinou por 61 anos, até sua morte em 1722, é considerado um dos maiores imperadores da China, e o que por mais tempo reinou. Em 1994, a Vila de Verão da Montanha foi designada Patrimônio Mundial da UNESCO.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Pequim

Idioma

Título no Idioma Original

御製避暑山莊詩三十六景詩

Tipo de Item

Descrição Física

2 juan, 2 ce: ilustrações

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 24 de maio de 2017