Copo de Saquê

Descrição

O termo ukiyo-e, literalmente "retratos do mundo flutuante" se refere a um gênero de obra de arte japonesa no período Edo (1600-1868). Como a frase "mundo flutuante" sugere, com suas raízes na visão efêmera do Budismo, ukiyo-e capturava a dinâmica fugaz da vida urbana contemporânea. Ao mesmo tempo que eram acessíveis e satisfaziam os gostos das "pessoas comuns", os detalhes artístico e técnico dessas pinturas mostram uma sofisticação notável. Seus temas vão de retratos de cortesãs e atores à literatura clássica. Esta gravura é da série Meriyasu Esho (uma seleção de imagens associadas à canção nagauta, meriyasu). Meriyasu foi um gênero de música utilizado principalmente para o teatro Kabuki, empregado para criar a atmosfera de uma cena contemplativa ou lírica. Santo Kyōden (1761-1816), também conhecido como Kitao Masanobu, produziu este trabalho durante sua curta carreira como designer de ukiyo-e entre 1780 e 1784. Seguindo seu mestre Kitao Shigemasa, ele preferiu desenhar bijin-ga (retratos de mulheres bonitas), em um estilo elegante e maduro. O resto de sua vida foi dedicado principalmente a ilustrar livros e, de forma mais destacada, escrever gesaku (ficção popular).

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

さかづき

Tipo de Item

Descrição Física

1 gravura: xilogravura, colorida 26,1 x 18,4 centímetros

Observações

  • Das séries: Meriyasu eshō : Uma seleção de imagens associadas à canção Nagauta, Meriyasu.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 18 de setembro de 2015