Cavalheiro Chinês e Cavalariço Trocando Fogo com seus Cachimbos

Descrição

O termo ukiyo-e, literalmente "retratos do mundo flutuante" se refere a um gênero de obra de arte japonesa no período Edo (1600-1868). Como a frase "mundo flutuante" sugere, com suas raízes na visão efêmera do Budismo, ukiyo-e capturava a dinâmica fugaz da vida urbana contemporânea. Ao mesmo tempo que eram acessíveis e satisfaziam os gostos das "pessoas comuns", os detalhes artístico e técnico dessas pinturas mostram uma sofisticação notável. Seus temas vão de retratos de cortesãs e atores à literatura clássica. Suzuki Harunobu (por volta de 1725-70) foi uma figura central no desenvolvimento da técnica de nishiki-e (gravuras coloridas) por volta de 1765, que revolucionou a arte do ukiyo-e. Este é um benizuri-e (impressão em duas cores) de hosoban (formato estreito), uma das primeiras formas de impressão em cores, que muitas vezes limitava a sua paleta a rosa e verde. O verso que acompanha descreve ser despertado do encanto das flores da cerejeira pela luz do fogo do cachimbo. Além da troca do fogo para os cachimbos, o cavalariço e o cavalheiro estrangeiro podem ter compartilhado a admiração da beleza das flores.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

唐人と馬子のもらい火

Tipo de Item

Descrição Física

1 gravura: xilogravura, colorida; 28,9 x 14 centímetros

Observações

  • Faz parte da: Coleção R. Leicester Harmsworth.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 23 de maio de 2012