"O instrumento dos principiantes na ciência do início dos meses e dos anos" e "A joia dos discípulos na explicação do instrumento dos principiantes"

Descrição

Enquanto no Ocidente, especialmente nos tempos modernos, a poesia e a ciência tendem a apresentar diferenças marcantes em sua abordagem ao descrever o mundo, este não é o caso no mundo de língua árabe, onde o uso da forma literária do tratado poético gerou obras notáveis ​​em várias disciplinas, incluindo matemática, astronomia, alquimia e astrologia. O presente trabalho mostra que a tradição do tratado poético árabe não se limita à Idade Média, mas se manteve viva ainda no século XIX. Ahmad ibn Qasim al Misri (1814-1856) é o autor das estrofes poéticas encontradas nos três primeiros fólios do manuscrito e do comentário em prosa sobre o poema que segue. O assunto do tratado passa por astrologia e astronomia, uma vez que parte da descrição dos corpos celestes para um tratamento dos signos dos zodíaco e suas influências. Este elegante manuscrito é enriquecido por títulos rubricados que conduzem o leitor pelos parágrafos do poema e ao longo dos capítulos do comentário em prosa, que lida com o cálculo árabe e copta dos meses, os signos do zodíaco e seus caminhos celestiais, os sete planetas conhecidos na época e as horas do nascer e do pôr do sol.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

وسيلة المبتدئين لعلم غرة الشهور والسنين و تحفة المريدين بشرح وسيلة المبتدئين

Tipo de Item

Descrição Física

30 folhas (21 linhas), encadernado: papel; 24 x 17 centímetros

Coleção

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 17 de setembro de 2014