Discursos

Descrição

Sob a influência do humanismo italiano e de seu tutor e colecionador de livros János Vitez, Arcebispo de Esztergom, Matias Corvinus I da Hungria (1443-1490) desenvolveu uma paixão por livros e pela aprendizagem. Eleito rei da Hungria em 1458, aos 14 anos de idade, Mathias conquistou grande sucesso por suas batalhas contra os turcos otomanos e por seu patrocínio à aprendizagem e à ciência. Ele criou a Bibliotheca Corviniana, na época considerada como uma das melhores bibliotecas da Europa. Após sua morte, e especialmente após a conquista de Buda pelos turcos, em 1541, a biblioteca foi dispersa e grande parte da coleção foi destruída, com os volumes sobreviventes sendo espalhados por toda a Europa. Este códice, um dos oito manuscritos inicialmente na Biblioteca Corvinus e agora preservado na Biblioteca Estatal da Baviera, contém vários discursos e cartas de Ésquines e Demóstenes, entre os quais o mais brilhante discurso de Demóstenes, "A Oração da Coroa" ("On the Crown"), na tradução do humanista Leonardo Bruni de Arezzo (1370? -1444), que também contribuiu com um prefácio dirigido a Niccolò Medici. O livro, que traz o brasão de armas de Corvinus, pode ter sido propriedade, inicialmente, de Vitéz. Após a morte de Corvinus, foi adquirido por Johann Jacob Fugger e veio, juntamente com a biblioteca deste, para a biblioteca da corte de Munique, dos duques da Baviera, em 1571. A Coleção Bibliotheca Corviniana foi inscrita no programa Memória do Mundo, da UNESCO, em 2005.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Florença

Idioma

Título no Idioma Original

Orationes [u.a.]

Lugar

Tipo de Item

Descrição Física

I + 110 + I folhas, pergaminho: ilustrações; 26,8 x 18,4 centímetros

Observações

  • Contém 104v-106v, a Epístola 12 (ad Athenienses) de Aeschines
  • Código BSB: Clm 310

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 28 de agosto de 2015