Homem Afro-Americano Lutando com Aligátor na Fazenda de Aligatores Santo Agostinho

Descrição

Um dos símbolos do estado da Flórida, no imaginário popular, é o aligátor americano (Alligator mississippiensis). Desde os primeiros exploradores europeus até os dias de hoje, os visitantes ficam fascinados por este réptil de água doce de sangue frio. Com um nome derivado da palavra espanhola legarto (lagarto), os aligatores podem crescer, em média, 13-15 pés (4-4,6 metros) e pesar 500-1000 libras (227-453 kg). O aligátor costumava ser valorizado por sua carne e pele, foi, outrora, caçado e abatido quase à beira da extinção, e colocado na lista de espécies ameaçadas de extinção, de 1967 a 1987. No entanto, o aligátor tem prosperado nos últimos anos, embora seu habitat natural não tenha feito o mesmo. "Gators" (aligatores) fazem parte da cultura popular da Flórida, de atrações turísticas e lutadores de aligátor, a cartões postais e mascote de times. Uma das primeiras atrações temáticas turísticas da Flórida, a Fazenda de Aligatores Santo Agostinho, iniciou suas atividades em 1893. Na Fazenda de Aligatores de Santo Agostinho e wm outras atrações turísticas, tais como Gatorland e o Parque Natural Silver Springs, a "domesticação" ou a hipnose dos aligatores era um truque popular, juntamente com outros espectáculos tais como lutas de aligátor, como mostra esta fotografia sem data.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

African American Man Wrestling an Alligator at the St. Augustine Alligator Farm

Tipo de Item

Descrição Física

Uma fotografia impressa: preto e branco; 4 x 5 polegadas (10 x 12 centímetros)

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 22 de outubro de 2014