Antiguidades de Samarcanda. Túmulo do Santo Kusam-ibn-Abbas (Shah-i Zindah) e mausoléus adjacentes. Mausoléu de Abu Tengi. Detalhe do painel do nicho em arco externo (parte inferior)

Descrição

Esta aquarela de um painel de cerâmica do nicho do arco principal do mausoléu de Usto Ali na necrópole de Shah-i Zindah em Samarcanda faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Tamerlão e seus sucessores. Shah-i Zindah (nome persa para "rei vivo") é reverenciado como um memorial para Kusam-ibn-Abbas, um primo do profeta Maomé. Embora o patrono deste mausoléu (construído por volta de 1380) seja desconhecido, ele geralmente é conhecido pelo nome de seu arquiteto, Usto Ali Nesefi. Apesar das perdas na fachada, as partes remanescentes da ornamentação revelam um dos programas decorativos mais elaborados da necrópole inteira. O trabalho em cerâmica apresenta azulejos policromados em majólica com padrões geométricos, faixas com inscrições em árabe e painéis em faiança. Esse painel em faiança, localizado na parte inferior do lado esquerdo do nicho em arco da entrada, é composto por padrões florais agrupados ao redor de uma figura em trevo pontiagudo com cártulas foliáceas. Embora o desenho não transmita totalmente a complexidade do motivo de gavinhas do original, ele fornece informações sobre as cores que ainda não estavam disponíveis na fotografia do período.

Informação da Publicação

São Petersburgo, Rússia

Título no Idioma Original

Самаркандския древности. Гробница святаго Куссама ибни Абасса (Шах-Зиндэ) и мавзолеи при ней. Мавзолей Эмира Абу-Тенги. Отделка щека входной ниши (низ)

Tipo de Item

Descrição Física

1 desenho: aquarela

Observações

  • Ilustração em: Álbum do Turquestão, seção arqueológica, 1871-1872, parte 1, volume 1, placa 36.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 30 de setembro de 2016