Atlas portátil ou o Novo Teatro de Guerra na Europa

Descrição

Daniel de la Feuille foi um relojoeiro, ourives, gravador e livreiro em Amesterdã no final do século XVII e início do século XVIII. Foi, também, um prolífico cartógrafo. Neste "atlas portátil", de la Feuille documentou a complexidade da Guerra da Sucessão Espanhola (1701-1714), que se iniciou depois que o rei da Espanha (da Casa dos Habsburgos), Carlos II, morreu e deixou seu reino para Filipe, o Duque de Anjou e neto do rei Bourbon francês, Luís XIV. Preocupados com a intenção do Rei-Sol da França em dominar a Europa, consolidando o seu poder em um Estado Bourbon Franco-Espanhol, uma aliança de potências europeias concorrentes, liderada pela Grã-Bretanha, lançou uma guerra preventiva para desafiar a perspectiva de hegemonia francesa. Este mapa apresenta um levantamento da arquitetura militar do período, incluindo fortificações, fragatas e embarcações à vela, armamentos e material bélico utilizados no novo campo de batalha europeu.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Chez Daniel de la Feuille, marchand librarie, proche de la Bourse, Amsterdã

Idioma

Título no Idioma Original

Atlas portatif, ou, le nouveau théâtre de la guerre en Europe

Lugar

Tipo de Item

Descrição Física

1 mapa gravado; 17x26 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 22 de fevereiro de 2016