Antiguidades de Samarcanda. Madrassa de Ulugh Beg. Fachada principal (lado leste). Partes de inscrições na parede do minarete

Descrição

Esta fotografia de um minarete na fachada leste da madrassa de Ulugh Beg, em Samarcanda (Uzbequistão), faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871 e 1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial à arquitetura islâmica de Samarcanda, como monumentos dos séculos XIV e XV do reinado de Timur (Tamerlão) e seus sucessores. No centro de Samarcanda está o conjunto de Registan, composto por três grandes exemplos de madrassa (escola religiosa). A madrassa mais antiga da Praça Registan recebeu o nome do rei astrônomo e neto de Timur, Ulugh Beg (1393?-1449), que a construiu entre 1417 e 1420. Durante o reinado de Ulugh Beg, matemáticos e astrônomos estavam entre os estudiosos que frequentavam a madrassa, que foi por muito tempo considerada um importante centro educacional islâmico. O minarete e a parede fragmentada mostrados aqui se estendem do grande arco iwan (saguão abobadado, com paredes em três lados, e uma extremidade aberta) até o pátio da madrassa. Apesar dos severos danos na fachada, esta imagem exibe ornamentação em cerâmica, com padrões geométricos formados por linhas em interseção. Dentro das figuras geométricas, há letras cúficas que formam palavras do Kalima, que é a base da Chahada, ou declaração de fé islâmica. O posicionamento inclinado dos azulejos cria uma superfície texturizada que enfatiza essas formas monumentais.

Data do Assunto

Informação da Publicação

São Petersburgo, Rússia

Título no Idioma Original

Самаркандския древности. Медрессэ Улуг-Бек. Главный фасад (восточный). Часть надписей на стене минарета

Tipo de Item

Descrição Física

1 impressão fotográfica: albume

Observações

  • Ilustração em: Álbum do Turquestão, seção arqueológica, 1871-1872, parte 1, volume 2, placa 110.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 30 de setembro de 2016