Antiguidades de Samarcanda. Mesquita de Khodzha Akhrar. Cripta familiar (sagana) de Khodzha Akhrar

Descrição

Esta fotografia do Santuário de Khodzha Akhrar, em Samarcanda (Uzbequistão), faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido entre 1871-1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dedica atenção especial ao patrimônio arquitetônico islâmico de Samarcanda. Este santuário é dedicado à memória do renomado místico do século XV, Khodzha Akhrar (1403-1489), um ascético e adepto do sufismo, que exercia grande influência espiritual na Ásia Central durante as décadas finais da dinastia dos Timúridas. Ele é conhecido por ter fundado mesquitas não apenas em Samarcanda, mas também em Búcara, Herat e Cabul. O conjunto de Khodzha Akhrar em Samarcanda continha várias estruturas, incluindo uma mesquita de inverno e uma de verão, bem como um minarete e um cemitério. É mostrada aqui uma parte da parede de mármore que separava o pátio principal do cemitério, que continha o sarcófago dos líderes espirituais locais. Um dos marcadores altos de sepultura de mármore está visível no fundo central. O santuário e seu cemitério eram visitados com frequência por peregrinos devotos, que vinham vestidos como a figura de pé na frente da imagem.

Data do Assunto

Informação da Publicação

São Petersburgo, Rússia

Título no Idioma Original

Самаркандския древности. Мечеть Ходжи-Ахрара. Фамильное кладбище (сагана) Ходжи Ахрара

Tipo de Item

Descrição Física

1 impressão fotográfica: albume

Observações

  • Ilustração em: Álbum do Turquestão, seção arqueológica, 1871-1872, parte 1, volume 2, placa 140.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 30 de setembro de 2016