Antiguidades de Samarcanda. Mausoléu de Tamerlão (Gur-Emir). Planos, elevações e seções

Descrição

Este plano, elevação e seções do Mausoléu de Gur-Emir, em Samarcanda (Uzbequistão), faz parte da seção arqueológica do Álbum do Turquestão. Este levantamento fotográfico em seis volumes foi produzido em 1871-1872 sob o patrocínio do General Konstantin P. von Kaufman, primeiro governador-geral (1867-1882) do Turquestão, nome dado aos territórios da Ásia Central do Império Russo. O álbum dá atenção especial à herança arquitetônica islâmica de Samarcanda, incluindo Gur-Emir (persa para "túmulo do governante"), que sofreu grandes danos ao longo dos séculos. Embora seja principalmente conhecido como o local de sepultamento de Timur (Tamerlão), Gur-Emir foi iniciado por Timur, em 1403, para celebrar a morte de seu amado neto, Muhammad Sultan, que havia construído um centro educacional, incluindo uma madrassa (escola religiosa) e um complexo memorial (khanaka) no local, no final do século XIV. Sua morte inesperada, aos 27 anos, privou Timur de seu sucessor escolhido, e a tristeza do governante foi expressa nas dimensões imponentes do mausoléu. O santuário ainda não estava completo no momento da morte do próprio Timur, que morreu de pneumonia em 1405. Com seu sepultamento no local, Gur-Emir tornou-se o mausoléu dos Timúridas. Completo pelo neto de Timur, Ulugh Beg, Gur-Emir incluía a estrutura em cúpula principal, além de uma madrassa, khanaka, quatro minaretes e uma grande estrutura de entrada para o pátio. As construções eram revestidas com arte em cerâmica.

Data do Assunto

Informação da Publicação

São Petersburgo, Rússia

Idioma

Título no Idioma Original

Самаркандския древности. Мавзолей Эмира Тимура Курагана (Гур-Эмир). Планы, фасады, и разрезы

Tipo de Item

Descrição Física

1 desenho: colorido à mão

Observações

  • Ilustração em: Álbum do Turquestão, parte arqueológica, 1871-1872, parte 1, volume 2, placa 115.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 30 de setembro de 2016