Casa Sergin, vista da aldeia de Munozero (década de 1880), ilha de Kizhi, Rússia

Descrição

Esta vista sudoeste da casa Sergin na ilha de Kizhi (Carélia) foi tirada em 1988 pelo Dr. William Brumfileld, fotógrafo americano e historiador da arquitetura russa, como parte do projeto "Encontro de Fronteiras" da Biblioteca do Congresso. Localizada em um arquipélago na parte sudoeste do lago Onega, a ilha de Kizhi é um dos locais mais venerados no norte da Rússia, com um pogost, ou cemitério cercado, contendo duas igrejas de madeira e um campanário. Em 1990, este conjunto foi adicionado à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO. Originalmente localizada na aldeia de Munozero (distrito de Medvezhegorski), a casa Sergin (1880) foi remontada na aldeia de Vasilevo em Kizhi. A casa é um dos melhores exemplos de uma habitação de família próspera no norte da Rússia. A entrada principal é marcada na fachada sul, por um pórtico (no centro desta vista), que leva ao primeiro andar. Acima do pórtico está a varanda do segundo andar. Ambos os andares eram utilizados como alojamentos principais. A parte superior da casa tem um meio andar, para uso no verão. Todos os três níveis exibem um rico entalhamento decorativo de origens urbanas e folclóricas, culminando com um impressionante frontão. A parte de trás da casa, sob o mesmo teto, servia como celeiro e estábulo para proteger o gado durante o inverno. Além de toda a sua beleza, estas casas também foram fortalezas construídas para resistir a um clima extremo.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

Sergin House, from Munozero Village (1880s), Kizhi Island, Russia

Tipo de Item

Descrição Física

1 slide : cor ; 35 milímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 28 de julho de 2017