Casa Oshevnev, da aldeia de Oshevnevo (1876), ilha de Kizhi, Rússia

Descrição

Esta vista sudoeste da casa Oshevnev na ilha de Kizhi (Carélia) foi tirada em 1993 pelo Dr. William Brumfileld, fotógrafo americano e historiador da arquitetura russa, como parte do projeto "Encontro de Fronteiras" da Biblioteca do Congresso. Localizada em um arquipélago na parte sudoeste do lago Onega, a ilha de Kizhi é um dos locais mais venerados no norte da Rússia, com um pogost, ou cemitério cercado, contendo duas igrejas de madeira e um campanário. Em 1990, este conjunto foi adicionado à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO. A característica dominante do local é a Igreja da Transfiguração do Salvador (vista em segundo plano). Em primeiro plano está a casa Oshevnev (1876), originalmente localizada na aldeia de Oshevnevo (distrito de Medvezhegorski) e remontada no Museu de Arquitetura em Madeira de Kizhi. A casa é um dos melhores exemplos de uma habitação de família próspera no norte da Rússia. A área principal da habitação fica no piso principal, na parte da frente, que possui uma galeria anexa, bem como um andar superior para uso no verão. As fachadas desta parte frontal incluem detalhes decorativos de origem urbana. O piso térreo era usado para armazenamento, enquanto que a grande área na parte traseira, sob o telhado extenso, servia como um celeiro para proteger o gado dos invernos rigorosos. Além de toda a sua beleza, estas casas também foram fortalezas construídas para resistir a um clima extremo.

Última Atualização: 11 de janeiro de 2016