Mosteiro de São Cirilo (Kiril)-Belozersk, parede sudeste com a Torre Svitochnaia (década de 1660), Kirillov, Rússia

Descrição

Esta vista leste da Torre Svitochnaia do Mosteiro de São Cirilo-Belozersk (oblast de Vologda) foi tirada em 1998 pelo Dr. William Brumfileld, fotógrafo americano e historiador da arquitetura russa, como parte do projeto "Encontro de Fronteiras" da Biblioteca do Congresso. Oficialmente dedicado à Dormição da Virgem, o mosteiro foi fundado em 1397 na costa norte do Lago Siverskoe por Cirilo (1337-1427), um monge de origem nobre de Moscou canonizado em 1547. O mosteiro servia tanto como um importante centro religioso quanto como uma fortaleza na expansão do flanco norte de Moscóvia. Todo o conjunto monástico, dedicado a São Cirilo, consistia de dois mosteiros adjacentes: da Dormição e de João Batista. As paredes principais do conjunto, com cerca de dois quilômetros de comprimento, foram erguidas ao longo de um período de 30 anos, de 1654 a década de 1680. Partes do mais antigo, as paredes de tijolos do final do século XVI, permanecem, incluindo a Torre Svitochnaia (à esquerda), que ancora o canto sudeste da parede do Mosteiro da Dormição, uma vez que se projeta no Lago Siverskoe. Esta torre retangular, com os seus cinco níveis é a maior seção sobrevivente das paredes anteriores. Grande parte da própria parede desmoronou em 1633 e a seção vista aqui data de meados do século XVII. No fundo à direita aparece a torre tipo "tenda" da Igreja de Santa Eufêmia (1646), ligada ao hospital do mosteiro.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

St. Cyril (Kirill)-Belozersk Monastery, Southeast Wall with Svitochnaia Tower (1660s), Kirillov, Russia

Tipo de Item

Descrição Física

1 slide : cor ; 35 milímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 28 de julho de 2017