Igreja da Epifania (1787), interior, vista do leste com o iconóstase, Oshevensk, Rússia

Descrição

Esta vista leste do interior da Igreja da Epifania em Oshevenskoe (distrito de Kargopol, oblast de Arkhangelsk) foi tirada em 1998 pelo Dr. William Brumfileld, fotógrafo americano e historiador da arquitetura russa, como parte do projeto "Encontro de Fronteiras" da Biblioteca do Congresso. Oshevenskoe está localizada ao longo da margem direita do rio Churiuga e foi desenvolvida junto ao Mosteiro da Dormição, fundado pelo monge Alexander Osheven em 1453. Esta grande aldeia consistia de três aldeotas, cada uma com seu próprio nome. A Igreja da Epifania, construída em 1787, era presidida pela aldeota de Pogost, também um termo para o território sagrado de um antigo cemitério cercado. O interior da igreja é notável pelo seu iconóstase de quatro camadas e pelo teto pintado, visível aqui. Muitos dos ícones da Fileira Local (primeira), da Fileira do Festival e da Fileira da Deesis estão faltando no quadro esculpido elaborado do iconóstase, expondo assim os grandes troncos de pinho da estrutura octogonal central. A Fileira dos Profetas (quarta) possui em seu centro um ícone da Mãe de Deus do Sinal (Znamenie). O Portão Real (no centro) foi parcialmente restaurado. No lado esquerdo encontra-se a entrada para um segundo espaço do altar. A Igreja da Epifania, atualmente usada para cultos pela paróquia local, é um dos mais impressionantes exemplos da cultura artística do norte da Rússia.

Última Atualização: 11 de janeiro de 2016