Santo Domingo, Passado e Presente, com um Relance no Haiti

Descrição

A Hispaniola foi visitada e assim chamada por Cristóvão Colombo durante sua primeira viagem em 1492. A atual divisão da ilha em dois países - o Haiti, de língua francesa e creola, e a República Dominicana, de língua espanhola - pode ser reportada ao Tratado de Ryswick, de 1697, no qual a Espanha reconhece a soberania francesa sobre o terço ocidental da ilha . Em 1869, o governante da República Dominicana, até então um país independente, buscou juntar-se aos Estados Unidos como forma de lidar com a falência e a agitação interna. O Secretário de Estado William H. Seward era a favor da anexação, mas o Senado  Senado americano não conseguiu ratificar o tratado de anexação. William Hazard, o autor desta obra, acompanhou uma comissão enviada à República Dominicana pelo  Congresso americano para investigar as condições no país. O livro de Hazard é um relato das viagens da comissão por todo o país, complementado por suas pesquisas na Biblioteca Britânica. Inclui uma extensa bibliografia das primeiras obras sobre a República Dominicana e o Haiti, bem como um mapa e inúmeras ilustrações. Hazard era a favor da anexação e, portanto, pintou uma imagem muito favorável do país, que estava sendo retratado como miserável e instável por opositores da anexação.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Sampson Low, Marston, Low, and Searle, Londres

Idioma

Título no Idioma Original

Santo Domingo, past and present, with a glance at Hayti

Tipo de Item

Descrição Física

511 páginas: ilustrações, mapas, 21 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 18 de setembro de 2015