Rolo de Tributos

Descrição

A Matrícula de tributos (Rolo de tributos) registra, em escrita pictográfica, os impostos que as cidades súditas pagavam para o México-Tenochtitlan, o centro da aliança tríplice do México, Tetzcoco e Tacuba, no período anterior à conquista do México pelos espanhóis. O rolo foi, muito provavelmente, copiado de ou elaborado a partir de um original pré-hispânico por volta de 1522-30, por ordem do conquistador Hernán Cortés, que queria aprender mais sobre a organização econômica do império da aliança . Cada página da Matrícularepresenta uma das 16 províncias tributárias. A principal cidade de cada província aparece primeiro, na parte inferior à esquerda da página, seguindo em direção à parte superior pelas cidades ou altepetlsubordinadas. Cada altepetl é representada por seu glifo toponímico. Quando a margem esquerda está cheia, a margem direita segue e, finalmente, a fileira superior. No interior desta moldura de glifos toponímicos, os itens pagos pela região são representados visualmente, em fileiras, e a quantidade esperada de cada ítem é registrada, usando o sistema nahuatl de aritmética. Com suas várias centenas de glifos toponímicos e registro detalhado de impostos a Matrícula de tributos é um documento valioso para o estudo da geografia política e economia do México pré-conquista, os topônimos Nahuatl, o sistema numérico Nahuatl e a riqueza econômica do império.

Data de Criação

Data do Assunto

Título no Idioma Original

Matrícula de tributos

Tipo de Item

Descrição Física

16 folhas de papel amate, pintadas em ambos os lados; 29 X 42 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 2 de julho de 2014