Dicionário Georgiano e Italiano

Descrição

Publicado em Roma, em 1629, este dicionário georgiano-italiano foi o primeiro livro impresso na Geórgia que usou o tipo móvel. O dicionário foi compilado por um italiano, Stefano Paolini, com a ajuda de Niceforo Irbachi Giorgiano, o embaixador da Geórgia, em Roma. Contém 3.084 palavras, impresso em três colunas: palavras georgianas na coluna da esquerda; transliterações em italiano (com a marcação de pronúncia) na coluna do meio, e uma explicação do significado de cada palavra, em italiano, na coluna da direita. O alfabeto georgiano e os equivalentes em latim de cada uma das suas letras aparecem nas páginas 1-2. O dicionário foi publicado pela Sagrada Congregação de Propaganda, que foi criada em Roma no início do século XVII com a finalidade de difundir o catolicismo nos países não-católicos. Com seu inicio em 1628, a congregação enviou missionários para a Geórgia e o dicionário foi criado para o uso dos missionários, que precisavam aprender georgiano. O cristianismo começou a ser difundido na Geórgia nos primeiros séculos do primeiro milênio DC; a resultante Igreja Ortodoxa Georgiana foi fundada no século IV DC, está em comunhão com as Igrejas Ortodoxas deste a primeira década do século VII, mas jamais se submeteu à autoridade da Igreja Católica Romana.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Sagra Congregatione de Propaganda Fide, Roma

Título no Idioma Original

Dittionario giorgiano e italiano

Tipo de Item

Descrição Física

[8], 128, [42] páginas : ilustrado (xilografia) ; 23 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 23 de fevereiro de 2015