Torre do Forte de Toras (final do século XVII), Bel'sk, Rússia.

Descrição

Esta fotografia da sobrevivente torre de toras de madeira no forte Bel'sk (território de Irkutsk, ao leste da Sibéria) foi tirada em 2000 pelo Dr. William Brumfield, fotógrafo americano e historiador da arquitetura russa, como parte do projeto "Encontro de Fronteiras" da Biblioteca do Congresso. De meados do século XVII até o século XIX, as colônias russas no vasto território de Irkutsk eram construídas, quase que inteiramente, de troncos. Surpreendentemente, algumas destas estruturas de troncos do século XVII sobreviveram. Entre elas está esta torre de observação do forte em Bel'sk, um vilarejo fundado, talvez, no início de 1647, na alta margem esquerda do Rio Bol'shaia Belaia, um afluente do Rio Angara. A fim de proteger este local estratégico (cerca de 25 quilometros a noroeste de Irkutsk), um forte foi construído no final do século XVII. Esta estrutura restante é modesta em tamanho, mas tem características típicas de fortificações de troncos, incluindo casamatas de madeira para posições de tiro sob o telhado principal. A torre tem uma plataforma de observação adicional (parcialmente reconstruída) no topo. Este monumento histórico raro foi colocado sob uma base de concreto, a fim de facilitar sua preservação.

Última Atualização: 11 de janeiro de 2016