Jornal Sobre o País que os Espanhóis Fundaram, em 1521, Chamado Yucatan

Descrição

Este pequeno tratado contém uma das primeiras descrições europeias da civilização asteca do México e a mais antiga tentativa europeia, de que se tem conhecimento, de retratar a cidade de Tenochtitlán (atual Cidade do México). Provavelmente publicada em Augsburg, em 1522, a obra é uma tradução em alemão de um antigo relato espanhol da expedição de Fernando Cortês a Tenochtitlán, em 1519-20. A cidade é retratada de maneira um tanto fantasiosa, com cinco torres e cinco pontes. Outra xilogravura mostra uma cerimônia religiosa asteca envolvendo sacrifício humano. Cortês chegou a Tenochtitlán, pela primeira vez, em Novembro de 1519. Ele recuou em julho de 1520, após sofrer uma derrota nas mãos dos astecas, mas retornou com um grande exército para destruir a cidade, entre maio-agosto de 1521. Este relato não menciona sua retirada da cidade, sugerindo que o mesmo está baseado em informações anteriores a julho de 1520.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Augsburg

Idioma

Título no Idioma Original

Newe Zeittung. Von dem Lande. Das die Sponier funden haben ym 1521. Iare genant Jucatan

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

12 páginas: ilustrado; 20 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de setembro de 2014