Relacionado aos Selvagens, ou, A Viagem de Samuel Champlain, de Brouage, Feita em Nova França em 1603...

Descrição

Este livro é um relato da primeira viagem de Champlain à Nova França, ou Canadá, em 1603. Amyar de Chastes, governador de Dieppe, recebeu do rei Henry IV da França uma concessão de terras no Canadá e pediu a Champlain que o acompanhasse em uma viagem para explorar o território. A expedição saiu de Honfleur em 15 de março de 1603 e atingiu Tadoussac após uma travessia de 40 dias pelo Atlântico. Champlain explorou, primeiro, uns 50-60 km até o rio Saguenay. Em seguida, prosseguiu pelo Rio São Lourenço até próximo da atual Montreal. Retornou à França em 20 de setembro de 1603 e rapidamente preparou este relato sobre os rios, lagos, costas e, especialmente, os povos desta parte da América do Norte. Ao escolher Des sauvages para referir-se aos povos da América do Norte e como título desta obra, Champlain não queria dizer "selvagens", mas sim "os moradores das florestas" (do latim silva). Champlain passou a ser conhecido como o "Pai da Nova França." Em 1608, fundou o posto comercial que se tornou Québec e envolveu-se, até sua morte em 1635, na promoção, exploração, mapeamento e assentamento da colônia. Esta obra é a primeira das quatro extensas narrativas de viagens de Champlain, abrangendo o período de 1603-11.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Claude de Monstr'oeil, Paris

Idioma

Título no Idioma Original

Des sauuages, ou, Voyage de Samuel Champlain, de Brouage, fait en la France nouuelle, l'an mil six cens trois...

Tipo de Item

Descrição Física

36 folhas; 17 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 19 de outubro de 2015