Caixa de Tortuguero

Descrição

Este objeto, chamado de caixa de Tortuguero pelo fato de suas inscrições serem comparáveis àquelas encontradas em Tortuguero, no México, é uma diminuta caixa de oferta, um dos pouquíssimos objetos pessoais dos maias que sobreviveram. Elas eram feitas de madeira. Este retrato, de corpo inteiro, de um rei maia na tampa da caixa e os 44 sinais hieroglíficos contam uma história que proporciona importantes dados sobre sistema social maia. A narrativa começa com a imagem do dono da caixa, Aj K'ax B'ahlam, o titular de um importante cargo sob o patrocínio do rei tortuguero, Ik' Muyil Muwaahn II. Muitos dos glifos estão desgastados, obscurecendo parte da história, mas as  áreas legíveis mostram nomes e datas que permitem uma tradução parcial do texto maia. O texto continua do lado esquerdo, mencionando a morte de um outro governante, B'ahlam Ajaw. A narrativa começa associando a morte de B'ahlam Ajaw à ascensão de seu filho, Ik' Muyil Muwaahn II, 41 dias mais tarde. Outras frases identificam Ik' Muyil Muwaahn II como tendo o mesmo nome de seu avô e refere a investidura de Aj K'ax B'ahlam no "cargo de pássaro chefe" em 8 de março de 680. O texto conclui com a data em que a caixa foi feita, 14 de outubro de 681, e refere-se a ela como o yotoot mayij, ou "recipiente de oferenda", do próprio Aj K'ax B'ahlam .

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Tortuguero Box

Tipo de Item

Descrição Física

1 caixa de madeira e 4 corrediças

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 8 de julho de 2014