Bardo, Câmara do Tribunal, Túnis, Tunísia

Descrição

Esta imagem fotocromática da câmara do tribunal do Palácio Bardo, em Túnis, faz parte de "Imagens da Arquitetura e do Povo da Tunísia" do catálogo da empresa Detroit Photographic Company. O Mediterrâneo: Manual para Viajantes (1911), de Baedeker, informava aos seus leitores que o Bardo, localizado na fértil planície a oeste de Túnis, era um palácio do século XIII que havia sido "a antiga residência de inverno dos beys ." Houve um tempo em que "formava uma pequena cidade por si mesmo" e abrigava "uma tesouraria, uma mesquita, casa de banhos, alojamentos militares e uma prisão." Esta fotografia mostra a câmara do tribunal ricamente decorada, que Baedeker chamava de "morada dos funcionários do tribunal." A Detroit Photographic Company foi fundada como empresa de publicação fotográfica no final da década de 1890, pelo empresário e editor William A. Livingstone, Jr, de Detroit, e pelo fotógrafo e editor de fotografia Edwin H. Husher. Eles obtiveram direitos exclusivos para utilizar o processo "Photochrom" suíço para conversão de fotografias em preto-e-branco em imagens coloridas e imprimí-las por fotolitografia. Este processo originou a produção em massa de cartões postais coloridos, gravuras, e álbuns para venda ao mercado Americano.

Data de Criação

Data do Assunto

Informação da Publicação

Detroit Photographic Company, Detroit, Michigan

Idioma

Título no Idioma Original

Bardo, Tribunal Chamber, Tunis, Tunisia

Outras Palavras-Chave

Tipo de Item

Descrição Física

1 impressão fotomecânica: fotocromo, cor

Observações

  • A Companhia Fotográfica de Detroit foi lançada como uma editora de fotografia na década de 1890 pelo empresário e editor de Detroit William A. Livingstone, Jr., e pelo fotógrafo e editor de fotografia Edwin H. Husher. Eles obtiveram o direito exclusivo de usar o "Fotochromo", o processo suíço de conversão de fotografias em preto-e-branco em imagens coloridas, e imprimi-las por fotolitografia. Este processo inovador foi aplicado na produção em massa de cartões postais coloridos, gravuras e álbuns para venda ao mercado americano. A empresa tornou-se a Detroit Publishing Company em 1905.

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 29 de setembro de 2014