Ghazals de Asifi

Descrição

Este fragmento caligráfico inclui uma variedade de ghazals (poemas líricos) do Compêndio de Poemas (Divan), do poeta persa Asifi. Aluno do famoso poeta Jami (morreu 1492 [897 AH]) em Herat, Asifi ficou na capital Timurid até a sua morte (1517 [923 AH]), mesmo durante e após a as invasões usbeques. Estes versos, em particular, na frente e no verso do fragmento, descrevem a loucura do amante e suas queixas sobre as dores da separação do objeto de seu afeto. No final do primeiro verso, na sexta linha, aparece a assinatura do poeta ou pseudônimo, facilitando a identificação do fragmento. Os dois ghazals são executados em escrita nasta'liq preta, em duas colunas, separadas no centro por uma espaçamento simples marcado por linhas pretas verticais. São divididas por um registro horizontal iluminado com um painel pintado a ouro, emoldurado por um fundo azul decorado com flores. Apesar de não inscrito, este painel demarca cada ghazal independente. O painel de texto é emoldurado por várias bordas e colado  à uma folha de papel bege decorado com aves místicas pintadas em ouro. O estilo e composição do fragemento são comum aos manuscritos persas produzidos durante o período Safavid, ou seja, nos séculos XVI e XVII.

Última Atualização: 30 de setembro de 2016