Mappa geographico da Europa

Descrição

Este mapa da Europa foi publicado no Brasil antes ou pouco tempo depois da eclosão da Primeira Guerra Mundial no final de julho de 1914. A tabela na parte superior esquerda do mapa lista a população e o tamanho dos exércitos e navios das duas alianças rivais na Europa: a Tríplice Aliança e a Tríplice Entente. Na lista a Itália aparece como membro da Tríplice Aliança, junto com Alemanha e Áustria-Hungria. A Itália deixou a Tríplice Aliança e acabou entrando para a guerra em abril de 1915 ao lado de Grã-Bretanha, França e Rússia. A margem superior acima do mapa mostra as principais potências envolvidas na guerra (Alemanha, Itália, Grã-Bretanha, França, Rússia, Sérvia e Áustria-Hungria) com sua bandeira, um retrato do presidente ou monarca governante, a população, o efetivo militar em tempo de guerra e a tonelagem da marinha de cada país. Os retratos dos chefes de governo e as estatísticas correspondentes dos outros países da Europa são mostrados ao redor nas outras margens do mapa. O mapa foi produzido como propaganda para a Souza Cruz, uma empresa de cigarros do Rio de Janeiro (cuja participação majoritária foi adquirida pela British American Tobacco em 1914), e reflete o forte interesse com que as pessoas no Brasil, bem como em outros países, acompanhavam os acontecimentos na Europa à medida que o continente se afundava na guerra. O Brasil foi o único país na América do Sul a declarar guerra contra a Alemanha e o único país da América Latina a participar militarmente da Primeira Guerra Mundial. Como os Estados Unidos, no começo o Brasil manteve estrita neutralidade no conflito entre as potências do Eixo e os Aliados. Porém, em outubro de 1917, depois que submarinos alemães atacaram navios mercantes brasileiros, o Brasil entrou na guerra ao lado dos Aliados. O exército brasileiro não enviou tropas à Europa, mas a marinha brasileira ajudou a patrulhar o Atlântico Sul contra submarinos alemães. O Brasil também foi um importante fornecedor de mercadorias para os Aliados durante a guerra.

Última Atualização: 14 de novembro de 2017