Foto de soldados indo “por cima”

Descrição

A anotação manuscrita na parte de trás desta fotografia diz: “uma foto real dos nossos meninos indo ‘por cima’, durante um ataque de gás em Chateau Thierry (11/07/18). O camarada sem máscara já ‘abotoou o paletó’”. Esta foto é uma de um total de nove fotografias tiradas pelo tenente Gordon E. Griffiths e enviadas por ele de Treves, na Alemanha, juntamente com uma carta, ao Dr. Burton L. Pinkerton em 3 de março de 1919. Parte da carta diz: “Seguem algumas fotos que lhe darão uma ideia de algumas das coisas pelas quais que tenho passado e visto. Ninguém que não tenha estado em um ataque pode entender o que uma bomba de alto poder explosivo pode fazer. Tenho visto mais do que gostaria”. A Batalha de Château-Thierry foi o começo da Segunda Batalha do Marne, travada ao longo do rio Marne, no nordeste da França, a partir de meados de julho de 1918. Esta foi uma das primeiras ações em que as unidades do exército e dos fuzileiros navais dos EUA estiveram em combate contra o exército alemão. A data na fotografia, julho de 1918, marcou o início de uma contraofensiva aliada em larga escala contra os alemães. Cerca de 270 mil soldados norte-americanos formaram a ponta de lança do ataque ao longo de uma frente de 35 km entre os rios Aisne e Marne. As fotografias são mantidas nas coleções do Projeto da História dos Veteranos do Centro da Cultura Popular Norte-Americana na Biblioteca do Congresso, que coleta, preserva e disponibiliza relatos pessoais de veteranos de guerra americanos.

Última Atualização: 6 de abril de 2017