Benoit Advinent e sua coleção de serpentes e crocodilos

Descrição

Esta litografia mostra o domador de leões Benoit Advinent. Nascido em Viena, era também dono de uma coleção de animais e viajou pela Europa inteira no começo de 1830 até 1860. A Menagerie Advinent tinha apresentações com leões, hienas, crocodilos, cangurus, serpentes e outros animais e pássaros exóticos. A companhia foi uma das coleções de animais itinerantes mais conhecidas da Europa, assim como as de Isaac Van Amburgh e Piannet. Benoit, cujo nome foi italianizado mais tarde para Benedetto, ganhou fama pelo seu trabalho no começo de 1834. Sabe-se que ele começou a trabalhar no negócio da família depois de 1827, junto com seu irmão mais velho (originalmente Louis, depois Luigi). Em 1828 e 1829, a coleção de animais já era um espetáculo constante no Parque Prater, em Viena. Em 1856, Advinent juntou-se com Cocchi, outro dono de uma coleção de animais. Mais tarde, Virginia, filha de Benoit, acabou herdando a empresa do pai. Esta litografia retrata Benoit Advinent emoldurado por duas serpentes, sentado calmamente com a mão direita na mandíbula de um leão, enquanto usa uma arma com a mão esquerda. Abaixo vê-se a figura de um crocodilo. A litografia tinha o claro objetivo de ressaltar a variedade, raridade e extremo perigo dos animais que Benoit tinha. O retrato data do auge de sua carreira como domador de animais e segue os padrões oficiais para retratos daquela época. Uma das funções de Benoit era colecionar animais selvagens para Francisco I, Imperador da Áustria (de 1792 a 1835). A imagem representa o treinador de animais ideal, conforme relatado por jornalistas da época: um grande homem, capaz de subjugar os animais mais ferozes apenas pela voz.

Data de Criação

Data do Assunto

Idioma

Título no Idioma Original

Benoit Advinent à la Menagerie. Serpents et Crocodils vivents

Lugar

Tipo de Item

Descrição Física

1 gravura; 58,5 x 42 centímetros

Estrutura Internacional para a Interoperabilidade de Imagens (IIIF) Ajuda

Última Atualização: 1º de junho de 2017